Bubble chat

7 coisas para fazer em Punta Del Este

Eclética por natureza, a cidade de Punta Del Este é capaz de agradar a gregos e troianos com suas belezas e peculiaridades. Se de um lado a Playa Brava atrai surfistas sedentos por aventura, a Playa Mansa fica repleta de crianças brincando. Se o sol brilha para aqueles que gostam de um bronzeado, a brisa gelada afaga os que procuram um bom vinho e boa gastronomia. E por que não agradar também aqueles que buscam as festas badaladas de verão? Para todos os visitantes: o pôr do sol e a cultura do lugar. Lado A ou lado B, quem é você?

Confira abaixo algumas dicas imperdíveis:

1. Contemplar o pôr do sol em Punta Ballena


A península de Punta Ballena é um lugar privilegiado para assistir a um belíssimo espetáculo da natureza: o pôr do sol. Para garantir um final de tarde ainda mais especial, visite a Casapueblo, pois, de seu terraço é possível aproveitar ao máximo o cenário, ao mesmo tempo em que se respira cultura.

A cereja do bolo? No exato momento em que o dia torna-se noite, um poema de Vilaró é recitado. Vale a pena conferir!

pôr do sol Punta Ballena

2. Conhecer a Casapueblo


O entardecer é um dos momentos mais cobiçados pelos turistas que pretendem visitar a Casapueblo. Este imponente casarão branco de estilo mediterrâneo abriga um restaurante, um hotel, um museu e também a casa do artista Carlos Páez Vilaró.

Vilaró dedicou sua vida à arte, com contribuições marcantes na pintura, cerâmica, cinema, arquitetura e literatura. Na Casapueblo é possível conferir uma parte deste acervo durante a visita aos cômodos da casa.

Casapueblo Punta Del Este

3. Visitar o famoso cartão-postal de Punta


Na Playa Brava encontra-se o Monumento aos Afogados, ou Los Dedos, como também é conhecido.

A escultura, projetada em 1982 pelo artista chileno Mario Irarrázabal, alerta os banhistas sobre os riscos de afogamento no mar bravo desta praia. A mão enterrada na areia é um dos pontos turísticos mais fotografados da cidade e uma parada obrigatória pra quem visita Punta.

Los Dedos Punta Del Este

4. Testar a sorte em um dos cassinos


Em Punta Del Leste há dois cassinos muito visitados pelos turistas, sobretudo os brasileiros.

O primeiro fica na Playa Mansa, em frente ao mar, no hotel Conrad. Além da imponente fachada, são mais de três mil metros quadrados de cassino com muitas opções de jogos para quem gosta de apostar.

Outro muito apreciado pelos visitantes é o cassino do Mantra Resort, com 2,5 mil metros quadrados e cinco salas de jogos.

Conrad Punta Del Este

5. Passear pelo porto


Na Playa Mansa está uma das mais bacanas atrações ao ar livre: o porto de Punta Del Este. Nele ficam atracados jet-skis, lanchas, barcos de pescadores, embarcações de luxo e os navios que chegam de cruzeiros, tudo muito bem organizado.

Para explorar o local, caminhe pelas passarelas e pelo calçadão. Fique atento! Se puder ir ao porto na parte da manhã, você verá a chegada dos pescadores e, junto com eles, lobos-marinhos. Os animais costumam aparecer atraídos pelos pescados. Aproveite para tirar fotos deste animais bem de perto.

Porto Punta Del Este

6. Pedalar de uma praia à outra


Com aproximadamente 11 quilômetros, um grande calçadão contorna grande parte de Punta Del Leste.

Com a companhia constante do mar, o espaço é perfeito para a prática de esportes, como a corrida e passeios de bicicleta. Do Oeste para o Leste, o percurso passa pelas principais praias da cidade, como Las Delicias, Playa Mansa, Playa de Los Ingleses, El Emir e Brava.

É possível encontrar locais que oferecem o aluguel de bicicletas. Além disso, alguns hotéis disponibilizam o serviço gratuitamente a seus hóspedes. Um programa legal para quem quer se exercitar e também para aqueles que estão com pouco tempo para passar por todas as praias.

pedalar em Punta Del Este

7. Descansar em José Ignacio


Quem deseja fugir da badalação e das praias lotadas de Punta Del Leste, especialmente na alta temporada, precisa conhecer o balneário José Ignácio.

A 40 quilômetros de Punta, o lugar é um antigo vilarejo de pescadores que se transformou em um destino hippie chic. O estilo praiano e rústico típico das cidades do interior do Uruguai tem atraído turistas que buscam uma opção alternativa no litoral uruguaio.

José Ignacio Uruguai

Compartilhe este artigo