Bubble chat

Como a A1 ajuda na gestão de bilhetes não voados

Uma gestão de viagens corporativas eficaz passa pelo planejamento dos deslocamentos que os funcionários precisam fazer para que a empresa atinja seus objetivos em negócios, mas buscando também economia. Nesse quesito, uma das maiores dores de cabeça dos gestores desse setor são os bilhetes não voados, as passagens compradas para uma viagem que depois precisa ser reagendada ou cancelada.

Na A1, os sistemas de reservas disponibilizados aos clientes ajudam muito nessa gestão. Além de oferecer relatórios online para consulta da lista de bilhetes não voados, é possível criar uma regra no sistema para que os usuários sejam notificados, no momento da reserva de uma nova viagem, de que há bilhete para ser reutilizado em seu nome.  

Dicas


Mas o que significa administrar bem bilhetes não voados? Bom, aqui vão algumas dicas.

  • A validade do bilhete é de até 12 meses após a emissão (não da data da viagem)
  • Sempre que possível, busque a reemissão do bilhete para outra data, em vez do reembolso, pois a multa, nesse último caso, costuma ser mais pesada.
  • Se o passageiro não for um viajante frequente da sua empresa (cliente, convidado, ex-funcionário, etc), sugerimos pedir reembolso assim que tiver ciência de que o bilhete não foi utilizado. Assim, evita cair no esquecimento.
  • Sugerimos fazer a gestão dos relatórios de bilhetes não voados mensalmente e solicitar o reembolso pelo menos 60 dias antes do vencimento, sempre que possível.

Como a A1 pode te ajudar?


Na A1, ativamos uma política que avisa ao viajante se ele tem um bilhete em aberto no momento em que faz uma nova solicitação de viagem. Desta forma, quando escolhe os seus voos, o sistema busca se há algum bilhete não voado com a companhia aérea selecionada e avisa. Caso ele opte por utilizar esse bilhete, nossa equipe de atendimento é notificada e apresentará o custo da reemissão.

Nosso sistema de reservas também disponibiliza relatório de bilhetes não voados para que o gestor acompanhe. Mesmo que o viajante não notifique a empresa de que não voou, o sistema capta as informações das companhias aéreas diariamente e insere o bilhete não voado no ambiente da empresa.

Ficou com alguma dúvida? Está precisando de algo assim em sua empresa? Escreva para a gente!

Compartilhe este artigo